Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Celso Sacavém

Os meus pensamentos

Os meus pensamentos

Histórias breves de…

 

    0 cartaz_400.jpg               0 800px-Cocoa_Pods.JPG   

   Festival Internacional de Chocolate de Óbidos (1)           O Cacaueiro  (2)

 

 

 

 

 

 

Histórias breves de…

 

O Chocolate

 

 

Aproveitando a visita que fazemos a Óbidos, por ocasião do Festival Internacional de Chocolate, apraz-me dizer algumas palavras sobre o assunto:

 

Hernán Cortés (1485/1547) navegador espanhol, foi talvez o primeiro europeu a saborear o gosto pelo cacau.

Cortés, acompanhado por 502 homens, pensou um dia conquistar o México. Porém, longe de ser recebido com hostilidade pelo Imperador que então governava (Moctezuma-1466/1520) foi recebido com pompa e circunstância já que, em vez de ser visto como guerreiro, foi-o como a reencarnação de Deus Quetzalcóatl.

A prevista matança foi transformada em dia de festa. Moctezuma recebeu o seu “ídolo” com hospitalidade, prodigamente regado, não com bebidas alcoólicas mas com uma bebida especial: o chocolate.

Cortés observou entretanto com muita atenção o modo como os Aztecas tratavam as sementes de cacau.

Intrigado, Cortés enviou para Espanha, uns quantos punhados de sementes.

Plantadas umas, feitas bebida outras, o chocolate passou a ser, desde então a “bebida dos reis”.

Foram os Olmecas (povo que viveu entre 1.500 a 400 anos antes de cristo) os primeiros seres humanos a usar o cacau como bebida, pelo que cultivavam o cacau em território mexicano. Foram no entanto os Maias (600 a.C.) e os Aztecas (1400 anos a.C.) os principais apreciadores da inebriante bebida.

A semente do cacau era, inclusivamente, usada como moeda de troca entre os povos durante as guerras que entre si eclodiam.

Os deuses ”Quetzalcóatl” (Azteca) e “Chak Ek Chuak” (Maia) foram os portadores das sementes do cacau para os seus povos.

Em 1502 Colombo chegou à Nicarágua, descobrindo numa piroga indígena, algumas sementes de cacau não lhes dando, no entanto, qualquer valor. Só mais tarde, em 1519, Cortés revelou ao mundo o quão preciosa era aquela semente.

Na Península Ibérica só em 1585 é que começou a desenvolver-se a indústria do chocolate. A partir daqui, esta indústria conheceu grande expansão, espalhou-se pela europa e pelo mundo.

A indústria do cacau conheceu diversas etapas. Assim o cacau em pó apareceu em 1828, na Holanda, em 1830 foi na Inglaterra que apareceram as primeiras tabletes, ou seja, o chocolate solidificado. Foi na Suíça que depois apareceu o chamado chocolate-leite.

É justo destacar a Nestlé, criada por Henri Nestlé, como o expoente máximo da indústria chocolateira no mundo.

Em Portugal sobressaíram as marcas Regina e Favorita.

 

 

 

 

            Celso Sacavém        celsosacavem.blogs.sapo.pt        @celso.pereira.525

            www.facebook.com/celso.pereira.3   www.instagram.com/celsopereira525

                                             Pt.pinterest.com/papi_celso/

 

 

 

 

0Ans_21_06_2.jpg  0 Quetzalcoatl_1.jpg  0 Maya_Hieroglyphs_Fig_05.jpg

Reis com bebida de chocolate  (3)       Quetzalcóatl (4)            Chak Ek Chuak (5)

 

 

 

 

 

 

1 - Festival Internacional de Chocolate de Óbidos (2016)

http://www.festivalchocolate.cm-obidos.pt/

Página Oficial do Festival Internacional de Chocolate de Óbidos

 

 

 

 

2 - O Cacaueiro 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Cacau#/media/File:Cocoa_Pods.JPG

O Cacaueiro com frutos em diferentes níveis de maturação, no Jardim Botânico do Havai. Fotografia de Medicaster. - 2006

 

 

 

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Cacau

Cacau

 

 

Classificação científica - Theobroma cacao L.

 

O cacaueiro (Theobroma cacao, que significa alimento dos deuses) é a árvore que dá origem ao fruto chamado cacau. É da família Malvaceae e a sua origem é a América do Sul. Atinge entre 4 a 8 metros de altura e possui duas fases de produção: temporão (março a agosto) e safra (setembro a fevereiro). O cacau é a principal matéria-prima do chocolate, feito por meio da moagem das suas amêndoas secas em processo industrial ou caseiro. Outros subprodutos do cacau incluem sua polpa, suco, geleia, destilados finos e sorvete.

Por ser plantado à sombra da floresta, o cacau foi responsável pela preservação de grandes corredores de mata atlântica no sul do Estado da Bahia no Brasil. Este sistema é conhecido como "cacau cabruca", do termo "brocar" (ralear). Recentemente, foi criado o Instituto Cabruca que, junto com outras instituições ambientalistas, vem desenvolvendo projetos de pesquisas e extensão sobre o tema, estudando formas de manter essa vegetação nativa associada ao cacau.

 

 

 

 

 

3 - Reis com bebida de chocolate

https://pt.wikipedia.org/wiki/Chocolate#/media/File:Ans_21_06_2.jpg

Trecho do Códice Zouche-Nuttall no qual há uma representação de dois reis da cultura mixteca compartilhando uma bebida de chocolate.  Mat Jones – 2005

http://www.mexicolore.co.uk

 

 

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Olmecas

Olmecas

 

Os Olmecas são a designação do povo e da civilização que estiveram na origem da antiga cultura pré-colombiana da Mesoamérica e que se desenvolveram nas regiões tropicais do centro-sul do atual México durante o pré-clássico, próximo de onde hoje estão localizados os estados mexicanos de Veracruz e Tabasco, no Istmo de Tehuantepec, numa zona designada área nuclear olmeca. A cultura olmeca floresceu nesta região aproximadamente entre 1500 e 400 a.C., e crê-se que tenha sido a civilização-mãe de todas as civilizações mesoamericanas que se desenvolveram posteriormente. No entanto, desconhece-se a sua exacta filiação étnica, ainda que existam numerosas hipóteses colocadas para tentar resolver esta questão. O etnónimo olmeca foi cunhado pelos arqueólogos do século XX, e não devem confundir-se com os muito posteriores olmecas-xicalancas que ocuparam vários locais do México central, como Cacaxtla.

 

 

 

 

4 - Quetzalcóatl

https://pt.wikipedia.org/wiki/Quetzalc%C3%B3atl#/media/File:Quetzalcoatl.svg

Quetzalcóatl, o Deus da Sabedoria na cultura Asteca. No Codex Borgia, Eddo – 2011.

 

 

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Astecas

Astecas

 

  

Império Asteca

Localização            América do Norte 

 

Os povos astecas eram certos grupos étnicos da região central do atual México, em particular os grupos que falavam a língua náuatle e que dominaram grande parte da Mesoamérica entre os séculos XIV e XVI. As palavras em náuatle aztecatl (singular) e aztecah (plural) significam "povos de Aztlán", um lugar mitológico para a cultura de língua náuatle e mais tarde adotado como termo definidor da própria cultura. Muitas vezes o termo "asteca" refere-se exclusivamente aos povos astecas da cidade de Tenochtitlan (hoje o local da Cidade do México), que localizava-se em uma ilha no antigo lago Texcoco e que se referiam a si mesmos como Mexica Tenochca ou Cōlhuah Mexicas.

 

 

 

 

5 - Chak Ek Chuak

https://en.wikipedia.org/wiki/Ek_Chuaj#/media/File:Maya_Hieroglyphs_Fig_05.jpg

O Deus Maia pelo qual eram feitas ofertas de chocolate em funerais de pessoas de prestígio.

Por Sylvanus Griswold Morley (1883–1948) – “A Introdução ao estudo dos Hieróglifos Maias” disponível gratuitamente no Projecto Gutenberg

Descrito como Ek Ahau, um Deus da Guerra de acordo com Morley, mas identificado como Ek Chuah, de acordo com outras fontes. 1915

 

 

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Sylvanus_Griswold_Morley

Sylvanus Griswold Morley 

Sylvanus Griswold Morley (1883 -1948) foi um arqueólogo e epigrafista norte-americano que contribuiu de forma significativa para o estudo da civilização maia pré-colombiana no início do século XX.

 

 

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Civiliza%C3%A7%C3%A3o_maia

Civilização maia

 

A civilização maia foi uma cultura mesoamericana pré-colombiana, notável por sua língua escrita (único sistema de escrita do novo mundo pré-colombiano que podia representar completamente o idioma falado no mesmo grau de eficiência que o idioma escrito no velho mundo), pela sua arte, arquitetura, matemática e sistemas astronómicos. Inicialmente estabelecidas durante o período pré-clássico (1000 a.C. a 250 d.C.), muitas cidades maias atingiram o seu mais elevado estado de desenvolvimento durante o período clássico (250 d.C. a 900 d.C.), continuando a se desenvolver durante todo o período pós-clássico, até a chegada dos espanhóis. No seu auge, era uma das mais densamente povoadas e culturalmente dinâmicas sociedades do mundo.

 

 

 

 

0 Henry_Nestle.jpg      0 800px-Schokolade-braun.jpg 0 NestleHQ.jpg 

     Henri Nestlé (1800) (6)          Chocolate de Leite  (7)                 Sede da Nestlé (8)

 

 

 

 

 

6 - Henri Nestlé (1800)

https://pt.wikipedia.org/wiki/Chocolate#/media/File:Henry_Nestle.jpg

Henri Nestlé, fundador da Nestlé, foi um dos criadores, juntamente com Daniel Peter, do Chocolate de Leite

  

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Henri_Nestl%C3%A9

Henri Nestlé

Henri Nestlé (Frankfurt, 1814 – Glion, 1890) foi o fundador da Nestlé Alimentos S.A. com sede em Vevey na Suíça. A Nestlé é uma das maiores empresas que fabricam alimentos, bebidas e chocolates do mundo na atualidade. Foi ele quem criou a Farinha Láctea Nestlé. Na Suíça, as crianças da época estavam tendo sérios problemas de desnutrição, sendo que algumas delas chegaram até a perder a vida e Henri Nestlé, que era farmacêutico, resolveu desenvolver um alimento que contivesse todos os nutrientes necessários para as crianças.

 

  

https://pt.wikipedia.org/wiki/Daniel_Peter

Daniel Peter

Daniel Peter (Vevey, 1836 – 1919) foi um famoso chocolateiro suíço. Ele foi o primeiro fabricante a fazer uma barra de chocolate de leite em 1875. Peter começou sua carreira como doceiro na sua cidade natal Vevey. O chocolateiro suíço, teve a ideia de usar leite em pó, inventado pelo químico Henri Nestlé em 1867, para fazer o chocolate ao leite.

 

 

 

 

7 - Chocolate de Leite  (7)

https://pt.wikipedia.org/wiki/Chocolate#/media/File:Schokolade-braun.jpg

O Chocolate suiço, a tablete no topo tem um centro de leite, a seguinte é de avelãs, a debaixo é de pistácio. Fotografia de Simon A. Youngster – 2010.

 

  

 

 

8 - Sede da Nestlé (8)

https://pt.wikipedia.org/wiki/Nestl%C3%A9#/media/File:NestleHQ.jpg

Sede da Nestlé às margens do Lago Léman, Suíça. 2008

 

 

 

 

 

Outros Festivais do Chocolate:

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Festival_do_Chocolate

Festival do Chocolate

O Festival do Chocolate é um evento realizado desde 2005 no município de Ribeirão Pires, Estado de São Paulo, Brasil.

 

https://en.wikipedia.org/wiki/EuroChocolate

EuroChocolate

EuroChocolate é um evento anual em Perugia, Itália.

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D